28 de julho de 2017

The Mystery Blogger Award

Hey Pessoal! Jardim de Palavras foi indicado para receber esse selo lindo! Somos gratas pelo carinho Amanda (Imaginantes)! Como o blog é da Débora também, nós duas iremos responder 😊 Vamos conhecer um pouquinho mais sobre ele? 
O Mystery Blogger Award é um prêmio para blogueiros incríveis com postagens engenhosas. Seu blog não só cativa; ele inspira e motiva. Eles são um dos melhores e eles merecem todo reconhecimento que eles conseguem. Este prêmio também é para blogueiros que acham diversão e inspiração em blogs e fazem isso com tanto amor e paixão”. (Okoto Enigma)
*Também há algumas regras:

Colocar o logo/imagem do prêmio no seu blog.
Listar as regras.
Agradecer a quem o nomeou e fornecer um link para seu blog.
Mencionar o criador do prêmio.
Contar a seus leitores três coisas sobre você.
Nomear até dez pessoas.
Notificar os seus indicados comentando no seu blog.
Pedir a seus candidatos que respondam cinco questões de sua escolha, perguntas estranhas ou engraçadas.
Compartilhar um link para sua melhor postagem.

Três coisas sobre mim:

Débora
1) Música é a minha vida. Eu amo música. Eu faço tudo com música, eu canto, danço, choro, amo... Basicamente, enquanto eu estou escutando uma música, eu sinto tudo e mais um pouco.

2) Eu sonho em passar uma noite no deserto do Atacama, só para poder passar a noite inteira observando as estrelas.

3) A minha hora favorita, durante todas as 24 horas, é as 2 horas da manhã. Eu adoro a madrugada, e o silêncio que ela passa. Durante essa hora, eu uso para relaxar, e pensar o que eu posso melhorar. Além disso, é a minha hora favorita para observar o céu, a lua e as estrelas.

5 Questões da Amanda:

1- Ciência ou religião?
Melissa: Religião, sou evangélica. De qualquer forma, admiro muito também a religião.

2-Que pessoa te inspira?
Débora: Ellie Goulding. Ela não é uma escritora, não é uma atriz, e nem mesmo uma cantora extremamente famosa. Eu acompanho o trabalho dela a muitos anos, e ela é a única cantora, que permanece nas minhas playlists desde 2010.

3- Por que você criou seu blog?
Melissa: Eu tenho necessidade de expor meus sentimentos, então de início foi por causa de meus textos e canções que eu escrevia. Aí, como sou apaixonada por livros, comecei a fazer resenhas... e Tcharam... Aqui está meu blog literário 💖

4- Como acha que estará sua vida daqui 5 anos?
Débora: EXTREMAMENTE BAGUNÇADA. Em 5 anos eu quero estar na faculdade, morando sozinha, sem ter que estar dependendo dos meus pais.
5- O que te da muita nostalgia?
Débora: Músicas sempre me dão nostalgia. Uma música qualquer pode fazer me lembrar de várias pessoas ao mesmo tempo, ou apenas uma especificadamente. Literalmente, a música é a minha vida.

5 Questões minhas (Débora e Melissa):
1) Sorvete ou Brigadeiro?
2) Qual seu maior sonho de consumo?
3) Qual é o seu sonho mais louco? Tem alguma meta para chegar até ele?
4) Como você se define?
5) Você tem uma frase favorita? Se sim, diga qual.

Melhor postagem:
Melissa: Minha melhor postagem é um texto: Quero que jamais se esqueça de mim. É provável que tenha um ou outro erro ortográfico, ou que pareça confuso. Mas as palavras são verdadeiras e escrevi faz muito tempo, antes mesmo de criar o blog, escrevi quando me apaixonei pela primeira vez e meu coração estava em pedaços haha 

Indicados para o Prêmio:
Clarissa - Próxima Primavera
Miriã - Leitora Encantada 
Mônica - Leitora Cretina
Thay - Sankas Books
Larissa - Duas Livreiras

E quem foi indicado e já fez o post em seu blog, não tem problema. Saiba que admiro muito seu blog ❤

26 de julho de 2017

Resenha: Meu Nome é Albert

Meu Nome é Albert! - Uma história sobre bullying

Olá pessoal! Nem sei como começar essa resenha, o livro já virou meu queridinho haha O livro se passa no ano de 1974, e de certa forma, parece muito com um diário. Chorei, sorri, fiz torcida e desejei ter um amigo como Albert, foi terrível a angustia de não poder entrar no livro e abraçá-lo! Tudo que o livro promete, cumpre! Meu Nome é Albert, trata-se de um livro de escrita leve que aborda um tema forte, algo que também já passei: o Bullying. Ler o livro foi como se o autor desse a mensagem "Eu sei o que você passou, estou com você". É emocionante todas as emoções que o livro passa para o leitor, várias vezes, minha mente vagou para a época em que passei por isso, não como se machucasse, pois, durante todo o livro Ronaldo vai deixando uma trilha de conselhos então: Já vou logo indicando para todos que já passaram, que estão passando ou ainda não passou pelo bullying. Esse livro é para todas as idades e com certeza para toda a família!

Tudo bem, falei até demais né? Vamos para a resenha então!

24 de julho de 2017

Play Litarário

Quem nunca estava ouvindo uma música, podia ser de qualquer estilo, e lembrou de um livro? Algumas pessoas não curtem ler, e algumas provavelmente, não curtem música, apesar de eu achar meio missão impossível parte 2, qualquer uma dessas duas opções. Maaas (o mas nem um pouco exagerado), se você não curte nenhuma das duas coisas, saiba, que esse post definitivamente não foi feito para você, pois hoje, eu venho com um Play Literário!! YUPP!! 

Resultado de imagem para MÚSICA E LIVROS TUMBLR  

Argh, vocês devem estar cansados de tanto texto, mas antes eu tenho que explicar o que é esse Play Literário. Simples, eu pego uma música, pego uma frase ou uma estrofe dá música, pego um ou mais livro, e explico o por que a música me lembra esse livros. Muito simples! Agora, finalmente, vamos ao post! 

Resultado de imagem para aleluia gifs tumblr

Somos Um


Admiro as pessoas. As que não aguentam desaforo, as que sabem fingir não se importar, os que ligam o foda-se quando quer, as que são difícil de chorar, as que ainda acreditam em contos de fadas, as que lutam por um sonho, as que não desistem fácil.

Demoramos a conhecer uma pessoa, e só quando a conhecemos é que enxergamos sua beleza e admiramos como se tirasse a venda dos olhos. Eu os admiro, não quero ter que conhecer cada um para encontrar a beleza interior. Começo com um detalhe ou outro, movimentos, gargalhadas, caretas, extraindo tudo do mais verdadeiro.

- Mel

22 de julho de 2017

Resenha: Mil Pedaços de Você

Mil Pedaços de Você (Firebird #1)
Autora: Claudia Gray
Editora: Agir Now
Páginas: 288
Sinopse: Marguerite Caine cresceu cercada por teorias científicas revolucionárias graças aos pais, dois físicos brilhantes. Mas nada chega aos pés da mais recente invenção de sua mãe — um aparelho chamado Firebird, que permite que as pessoas alcancem dimensões paralelas. 
Quando o pai de Marguerite é assassinado, todas as evidências apontam para a mesma pessoa: Paul, o brilhante e enigmático pupilo dos professores. Antes de ser preso, ele escapa para outra realidade, fechando o ciclo do que parece ser o crime perfeito. Paul, no entanto, não considerou um fator fundamental: Marguerite. A filha do renomado cientista Henry Caine não sabe se é capaz de matar, mas, para vingar a morte de seu pai, está disposta a descobrir.
Com a ajuda de outro estudante de física, a garota persegue o suspeito por várias dimensões. Em cada novo mundo, Marguerite encontra outra versão de Paul e, a cada novo encontro, suas certezas sobre a culpa dele diminuem. Será que as mesmas dúvidas entre eles estão destinadas a surgirem, de novo e de novo, em todas as vidas dos dois?
Em meio a tantas existências drasticamente diferentes — uma grã-duquesa na Rússia czarista, uma órfã baladeira numa Londres futurista, uma refugiada em uma estação no meio do oceano —, Marguerite se questiona: entre todas as infinitas possibilidades do universo, o amor pode ser aquilo que perdura?


"É difícil respirar, difícil entender onde estou."

Mal terminei de ler o livro e aqui estou eu correndo pra fazer a resenha! Livro fantástico, não sei se é porque sou meio nerd e gosto muito de estudar, ou se é porque tenho fascínio por ficção científica, não sei mesmo... Mas sei que amei esse livro!! Nunca tinha lido nada parecido e como sou uma “Romantica incurável” – Palavras da Déb, não minhas – Logo de início fui shipando o casal, mesmo parecendo que não ia dar em nada, fazer o que né... Mas quando apareceu um terceiro... Disse pra mim mesma: “Espero que não se torne aquele romance de A Seleção, um trio amoroso, ninguém merece um meloso Aspen nessa história!”; e não é que não foi, se não teria estragado o livro...

"O sorriso de Paul é o mais lindo e o mais triste que já vi."

Conhecemos Meg, uma garota que gosta de pintar e apreciar as cores, 16 anos, tem cabelos cacheados, é alta e magra. A conhecemos em um momento delicado, quando seu pai acabara de morrer em um acidente. Eles eram a família perfeita, ela tem uma irmã, tem vários amigos que trabalham com seus pais em casa, os pais amáveis que deixavam os filhos seguirem o que o coração pulsar.

 Cheia de ódio, ela e Theo, amigo da família que tem quase a mesma idade que ela; partem em uma busca atrás do maior suspeito: Paul. E mesmo o coração dela não querendo acreditar que Paul fosse capaz de cometer tal atrocidade, eles partem para essa aventura. Quando digo que vão a trás, não é perseguir ruas, cidades ou coisa do tipo. Mas sim outras dimensões!!

"...era como se eu pudesse sentir a presença dele atrás de mim. Como sentir o calor do fogo mesmo sem olhar diretamente para a chama."

Os pais de Meg, Henry e Sophia são cientistas e acabaram de criar um dispositivo que pode transportar pessoas de outra dimensão, mas apenas se a mesma ainda existir na dimensão. Pelo que tudo indica, o pai dela foi morto por causa disso.

 São simples "pulos", e nessa viagem louca, o primeiro lugar onde vão é Londres. Meg conhece outra de si que é órfã, curti balada e está a caminho de se tornar uma estilista! O próximo local é na Rússia onde é a Grã-Duquesa! Foi onde passou um bom tempo e vimos o quão teimosa, valente e apaixonada ela pode ser! Lá é que vive um amor ardente, proibido, e é a parte que mais gosto!!! Na próxima dimensão ela viaja para um lugar parecido com o seu, mudando pequenos detalhes. Em outro pulo ela é levada à uma vida no qual as pessoas vivem na base aquática, onde o mar cobriu parte do litoral. É nesse lugar que acontece o Clímax, muita coisa é esclarecida e veem quem realmente está correndo perigo!

"Sempre achei que o amor verdadeiro só viria mais tarde. Depois que as duas pessoas se conhecessem bem, confiarem uma na outra... Após dias, semanas ou meses de convivência, aprendendo a compreender tudo o que não é dito em voz alta."

Sem querer da Spoiler haha começam uma busca para matar Paul e depois descobrem que só ele pode os ajudar. Um dia da caça, outro do caçador! Sim, tem trio amoroso e muita confusão com a protagonista, mas achei incrível a escrita da autora e em nenhum momento me senti perdida. Tá, tudo bem. Sou meio suspeita de falar desse livro, mas amei cada parte! Achei que seria demorado o desenrolar da história quando soube que pulariam de dimensão para outra, mas ao contrário, fluiu tão bem que gostaria que Meg tivesse passado mais tempo nelas haha. Pode achar estranho agora, mas meu Time é para o Paul, mal posso esperar para ler os outros dois livros 💕

"— Não preciso de um mundo sem você nele."

"— Eu amaria você em qualquer corpo, em qualquer mundo, com qualquer passado. Nunca duvide disso."


- Mel

Veja Também...